Irritação, atitude infeliz . . .

Não tenha medo da Luta

                 IRRITAÇÃO, ATITUDE INFELIZ….

Quando a mente está pronta, parece que todas as coisas o estão igualmente, isto porque dela dependem o senso  crítico, a avaliação, e o discernimento, enquanto se encontra entorpecida, ou mal desenvolvida, não consegue  abranger a finalidade existencial, se adaptando ao habitual costume, o de automatizar-se.

Se tornando um vício mental profundamente, próprio das pessoas derrotistas, a irritação termina por matar o sentimento nobre, levando-o a doenças e dores, mais graves no decorrer do tempo.

A IRRITAÇÃO, é um fator de frequentes conflitos, que aparece repentinamente provocando  descargas de adrenalina, na corrente sanguínea, alterando o equilíbrio orgânico e, sobretudo o emocional.

A Irritação instala-se com facilidade nas pessoas, que perderam a autoestima e se comprazem no cuidado pela imagem, que projetam e não pelo valor de si mesmas.

A irritação entorpece a razão e precipita o ser em profundo fosso de alucinação, desencadeando síndromes de processos, que denuncia grave perturbação interior.

Inicia-se um clima de inquietação mental, exteriorizando-se de quando  em quando, como cansaço desta ou daquela natureza, para transformar-se  em azedume frequente, culminando em descontrole sistemático, que normalmente conduz a estados de anarquia psíquica, em forma de agressividade e loucura.

Traí-se por meio da animosidade inconsciente, que medra seu íntimo, ampliando o campo de ação como insatisfação, em relação a tudo e antipatia para com todos.

Manifestando-se como impaciência, arma o homem contra as pessoas e coisas, tornando-o descortês e rude, em cujas aparências desdobra tentáculos asfixiantes, que terminam por destruir aqueles que a  cultivam.

A expressão dura produz reação ao ouvinte,que recebe o impacto desagradável e revida, com descarga mental de revolta e antipatia.

É muito necessário fazer um exame mental, para que se modifique essa atitude. Se percebes manifestações de irritação constante, examina-lhes a procedência.

Recua nas atitudes animosas, restabelecendo o círculo de amigos, que se te fazem arredios e logo baterão em retirada.

Se identificas cansaço pertinaz como gerador do problema, muda de atividades, altere programas, motiva os seus horários  de serviço com otimismo, mas reage.

Não absorvas tudo aquilo que abraças.

Aprende a repartir labores e confianças, pouco importando se recebes ou não retribuição, pela atitude infeliz a que engendra, qualquer tipo de discriminação.

Se gostas desse amigo (a), não construa prevenções contra aqueles outros, possivelmente as qualidades positivas que lhe atribuis, com a carga que deposita nos outros, estão apenas em ti, pela maneira como os vês, ou como gostaria que fossem.

O trabalho no qual te encontras, o da própria redenção, é roteiro de simpatia e cordialidade,por meio do qual pretendes lograr a paz real e a felicidade pura e simples.

Não elejas, então uns afeiçoados com destaque, em detrimento dos outros.

Tal comportamento far-te-á irritadiço e desagradável, em relação a quantos não privam das tuas ações.

Não se esqueça, que o amor tem a função de unir, nunca a de separar.

Muita irritação, pertence a programática obsessiva, mediante a qual se destroem excelentes realizações, malogram em abençoada  edificação. Semelhante a gás de sutil penetração, os fluídos da irritabilidade intoxicam, gerando enfermidades de longo curso, não apenas no campo psíquico, como também no metabolismo orgânico.

Precaver-se contra a irritação de qualquer procedência é muito importante, para tal fim seja humilde e se apegue na luz da oração.

A humildade te fortalecerá muito a sua paz íntima, e o hábito da oração com o poder Divino, lhe dará forças capazes de vencer essa fraqueza cruel, que vem destruindo o ser humano e dificultando a concretização de vigorosos ideais, com prejuízos incalculáveis. 

Portanto crie o hábito em opor-se a essa ferrenha perseguição de irritabilidade, amando e refugiando no Divino Mestre Jesus, se utilizando de seus ensinamentos, muito edificantes a humanidade.

Se apegue Nele o Excelso Amigo de todas as horas, que te concederá inspiração para desatrelar-se das armadilhas maléficas, de modo que possas avançar, sendo alegre, jovial, motivado e com sua autoestima em alta, rumando para a frente, obtendo a paz tão desejada.

Você já se perguntou alguma vez em sua vida.

COMO SERÁ QUE ESTA O NÍVEL DA MINHA IRRITAÇÃO?

SERÁ QUE ESTA EM BAIXA?

SERÁ QUE ESTA EM ALTA?

Pense bem, reflita tome a decisão correta, mas seja muito feliz em sua caminhada evolutiva.

Vibrações de muita alegria, harmonia e paz em sua vida. Do irmão Jesus Carlos. Uchoa-sp.

redeamigoespirita

Esta entrada foi publicada em Artigos, Espiritismo. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *